Get the Flash Player to see this player.
 

Visitantes

mod_vvisit_counterHoje1
mod_vvisit_counterOntem147
mod_vvisit_counterEsta semana1174
mod_vvisit_counterSemana passada1135
mod_vvisit_counterEste mês2853
mod_vvisit_counterMês passado4023
mod_vvisit_counterTodos127314

Online (20 minutes ago): 2
Your IP: 18.204.227.250
,
No

História

 

A freguesia de Conceição forma juntamente com a Matriz, Ribeira Seca e Santa Bárbara a cidade de Ribeira Grande, que pertence à Ilha de São Miguel, na Região Autónoma dos Açores. Com uma extensão de 12,74 quilómetros quadrados, esta freguesia está situada na costa norte da ilha, parte oeste da cidade da Ribeira Grande, esta reclinada numa planície, e é delimitada pelas suas congéneres Matriz e Ribeira Seca.

 

Ribeira Grande é uma das mais antigas vilas dos Açores, com o alvará de D. Manuel, pois o seu povoamento terá começado com a vinda dos primeiros colonos para a ilha de São Miguel. Lavradores oriundos da Povoação e da Vila Franca de Campo fixaram-se e construíram as suas casas junto ao mar e do lado nascente da ribeira, e só começaram a aglomerar-se na margem oposta, nos arredores depois de 1515. A partir daí começaram a ser constituídas freguesias, como é o caso de Conceição.

 

Esta região já foi outrora, uma das mais importantes do arquipélado devido à indústria de lã e algodão, que foi uma fonte de grande rendimento, resultante da fertilidade do solo. A primeira indústria dos panos que abastecia a ilha de São Miguel, teve muito sucesso, no entanto, sofreu um incêndio, sendo reconstruída em 1793.

 

O Topónimo deve-se à padroeira da freguesia que é a Nossa Senhora da Conceição, cuja festa se celebra em Portugal, feriado nacional, e na freguesia a 8 de Dezembro. Os católicos professam a distinção concedida unicamente a Nossa Senhora, Maria foi concebida sem o pecado original, pois estava destinado a ser a mãe do seu filho. Maria, numa aparição a Santa Catarina Labouré, mandou cunhar uma medalha com a efígie da Imaculada e com as seguintes palavras: “Maria concebida sem pecado, rogai por nós”. Esta medalha suscitou grande devoção a Maria Imaculada, em todo o mundo, levando muitos bispos a solicitar ao papa a definição do dogma, que já estava a ser vivido no seio de milhões de fiéis. No dia 8 de Dezembro de 1854, o Papa Pio IX proclamou Maria isenta do pecado original, desde o primeiro instante da sua existência no seio de sua mãe. Conceição é um derivado de “concebida”, Conceição foi imaculada, daí a expressão Imaculada Conceição. Nossa Senhora da Conceição ou Maria é imaculada desde sua concepção, e o inimigo infernal jamais teve poder sobre ela.

 

Oração à Nossa Senhora da Conceição

Ó incomparável Vigem da Conceição,

Mãe de Deus, Rainha dos Céus,

Maria, volvei para mim, imploro-vos,

O olhar benigno de vossa misericórdia.

 

Livrai-me de minhas gravíssimas culpas;

E com o favor de vossa poderosíssima intercessão,

Fazer que eu consigaa da Divina Majestade

A salvação de minha alma, a perfeita saúde do corpo

E aquela graça da qual tanto necessito

E que vos recomendo

A fim de que servindo e louvando-vos nesta vida,

Venha depois, um dia,

A amar-vos e agradecer-vos

Para toda a eternidade

Assim seja 

 

 

Destaque